Notícias

Em Minas Gerais, DEM e PDT podem selar acordo

A conversa pode sinalizar que Lacerda pode abrir mão de sua campanha para se tornar vice na candidatura de Ciro Gomes à Presidência da República

 

Embora já tenha anunciado apoio a Marcio Lacerda (PSB), pré-candidato ao governo do Estado, o PDT mineiro avança em conversas com outro postulante do Palácio da Liberdade: Rodrigo Pacheco, do DEM.

O deputado federal Mário Heringer, presidente do PDT Minas, encontrou-se com Pacheco para um café da manhã numa padaria no Bairro de Lourdes, zona sul de Belo Horizonte. O Poder em Foco conseguiu fotos exclusivas do encontro.

A conversa pode sinalizar dois movimentos: primeiro, que Lacerda pode abrir mão de sua campanha para se tornar vice na candidatura de Ciro Gomes à Presidência da República. Marcio seria o vice ideal para Ciro. Lacerda representaria o que José Alencar, outro empresário mineiro, representou para Lula: abertura de diálogo com o empresariado brasileiro.  Uma espécie de fiador do governo e do candidato junto ao “setor produtivo” com quem Ciro, em seus discursos, aponta para uma aliança governamental.

Não sendo candidato, tanto o PDT quanto o Prós, as duas legendas que firmaram apoio ao projeto socialista, estariam liberadas para retomar as negociações.

No plano nacional, também pode sinalizar nova aproximação entre o DEM e o PDT.

Comentários

Comentários

Siga-nos no Twitter

© 2017 PODER EM FOCO