Notícias

Aécio Neves estuda se filiar ao DEM

Até uma pouco provável candidatura de Aécio à Presidência da República foi aventada pelo DEM

Crédito Foto: J. Batista / Câmara dos Deputados
 

Com acentuado desgaste em seu atual partido, o senador Aécio Neves (PSDB) estuda se filiar ao DEM.  É o que notícia o jornal O DIA, nessa terça-feira (26).

Como um “estranho no ninho” Aécio foi vaiado por militantes tucanos na última convenção nacional do PSDB. Desconfortável, Aécio nem discursou.

Nas semanas que antecederam a convenção, Aécio teve uma queda de braço pública com o senador Tasso Jereissati, que presidia interinamente o PSDB. Jereissati substituiu o próprio Aécio Neves, que se licenciou do cargo, em maio desse ano, em decorrência de ter sido gravado pedindo R$ 2 milhões ao empresário e delator Joeslei Batista.

A “querela” entre os dois dividiu o partido entre os que defendiam a permanência do PSDB na base de apoio ao governo Temer, esse grupo liderado por Aécio Neves, e os que queriam se desligar de Temer, esse grupo, por sua vez, capitaneado por Jereissati.

Por essas e outras Aécio estaria cogitando se filiar ao DEM. “Uma turma de aliados de Aécio no PSDB – com e sem mandato político – vai se filiar no DEM na ‘janela’ para troca de partidos. Entre eles um bem votado deputado federal de Minas Gerais. Será o chamariz para o senador se decidir”, registrou o jornal.

Tudo indica que o “bem votado deputado federal de Minas Gerais” seja Rodrigo Pacheco, atualmente no PMDB, mas cujo namoro com os tucanos, tendo em vista sua candidatura ao governo do estado, já é do conhecimento de todo meio político.

Até uma pouco provável candidatura de Aécio à Presidência da República foi aventada pelo DEM, segundo a publicação. “Apesar do grande desgaste de imagem e de ser alvo da Lava Jato, o partido estaria disposto a encarar o desafio de lançá-lo ao Palácio do Planalto. Um ensaio será feito nas próximas semanas”.

A nota, entretanto, contrasta com o que foi publicado pelo jornal Estado de São Paulo e repercutido por boa parte da grande imprensa nacional. Segundo o Estadão, um grupo do DEM estaria se articulando para lançar o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, como candidato à Presidência da República. “A legenda investe no discurso de que ele é o único candidato com capacidade de “reunificar” a política nacional, por ser hoje um dos poucos políticos com trânsito no governo e nos principais partidos da oposição (PT, PC do B e PDT), que o ajudaram a se eleger para o comando da Casa, além de manter boa relação com o Judiciário”, registra a publicação.

 

 

Comentários

Comentários

Siga-nos no Twitter

© 2017 PODER EM FOCO